DESDE 1975 11 2601-1544

Boletins

FGTS - Contribuição Social de 10% - Extinção em Janeiro/2020

Empresas Estarão Livres da Contribuição Social de 10% Sobre o FGTS a Partir de 2020

 

A partir de Janeiro/2020 não será mais devida a contribuição social que é recolhida pelos empregadores, em caso de despedida de empregado sem justa causa, equivalente a 10% (dez por cento) sobre o montante de todos os depósitos devidos, referentes ao Fundo de Garantia do Tempo de Serviço – FGTS, durante a vigência do contrato de trabalho, acrescido das remunerações aplicáveis às contas vinculadas.

 

Lei Complementar 110/2001 havia instituído esse percentual adiconal sobre FGTS.

 

Entretanto, o art. 25 da Medida Provisória MP 905/2019 estabeleceu a extinção desta obrigação por parte das empresas, a contar de 1º de Janeiro de 2020, conforme dispõe o art. 53, § 1º, II da citada MP.

 

Assim, as empresas que fizerem desligamentos sem justa causa até 31/12/2019, ainda estarão obrigadas ao pagamento da contribuição social de 10% sobre o montante do FGTS do empregado, ou seja, ainda terão a obrigação de recolher os 50% sobre os depósitos de FGTS.

 

A partir de 1º de janeiro de 2020, esta obrigação deixa de existir, mantendo, no entanto, a obrigação no pagamento da multa de 40% em favor do empregado prevista no art. 18, § 1º da Lei 8.036/1990.

 

 

Fonte: Medida Provisória 905/2019 - Adapatado pelo Guia Trabalhista e Recursos Humanos.

 

Saiba todas as novidades através de nossa página e pelas nossas redes sociais:

www.platina.com.br

https://www.facebook.com/platinacontabilidade

https://www.instagram.com/platinaservicocontabilltda/





Agenda Tributária

carregando ...

Cotação de Moedas
FGTS - Contribuição Social de 10% - Extinção em Janeiro/2020
11 2601-1544
contato@platina.com.br

Horário de Funcionamento
De 2ª a 6ª-feira das 08:00h às 11:30h e das 13:00h às 17:00h

REDES SOCIAIS
Curta nossa página no facebook